Lançamento Buraco#3



Lançamento Buraco#3

Sábado dia 10 de Março, das 16h às 22h 


"Fecha-se uma porta...
                                                                     abre-se uma janela"




++ banca de serigrafias da Oficina Arara++ Performance RADIO JOQUEI + BATUCADA:

 GUETO BLASTER ORQUESTRA com UHF & FRANKÃO


(...)
A queda dramática dos níveis de audiência das televisões generalistas, sobretudo a do serviço público, veio pedir um debate urgentíssimo à sociedade civil e algum Inverno para obrigar as pessoas que têm casa a ficar dentro de casa e as que têm electricidade em casa a ligar os seus aparelhos e deixarem-se estar ali, desempregadas mas barricadas, quer dizer, emparedadas, quer dizer, amparadas, assim sim!
Por isto sente o BURACO o dever, enquanto instrumento de persuasão, de abdicar do seu próprio nível de audiências no lançamento do terceiro número, este próximo sábado, dia 10 de Março, no espaço Da Barbuda, a partir das 16h00 até às 22h00, em prol de um serviço público de televisão que, sem público, ficará apenas com o serviço e a televisão.

Assim é importante insistirmos na excelente programação televisiva de sábado, pois levará harmonia ao lar dos portugueses, sejam estes conformados, reformados ou recém-formados, começando logo pelos magnos conselhos do “Dr. Oz”, às 15h30 na SIC Mulher: um médico conceituadíssimo no mítico programa da Oprah, que se lançou numa carreira a solo e que já curou centenas de milhares de casais desavindos. Logo a seguir, ainda o lançamento do BURACO vai no adro, já o “Fama Show” abre as cortinas sobre aquela apresentadora do lado esquerdo, a do centro e a do lado direito mais as outras suplentes e ainda a das moças de biquini e todas as suas criativas e pertinentes rubricas. Sem dúvida, o programa que fazia falta à auto-estima das portuguesas e à fé dos portugueses.

Na companhia do vosso apresentador preferido, rapidamente se chega às 19h00,  quando a performance RÁDIO JOQUEI + BATUCADA (com UHF & FRANKÃO) terá todos os espectadores tele em suas casas, pois já os blocos noticiosos mais isentos do oeste estarão na linha de partida de todo um universo de canais e depois o jantar vai para a mesa e, se não houver jantar, há sempre o “São Servidos?” na SIC Radical acompanhado de um emocionante jogo de futebol na TVI onde o protagonista é um imparável e astucioso esférico.

O BURACO quer ainda sublinhar que não vale a pena persistirem na ideia do lançamento do terceiro pasquim, mesmo depois do futebol, pois esta é a noite do quadragésimo oitavo “Festival RTP da Canção” e, já agora, exortamos o Provedor do Telespectador (no “Voz do Cidadão”, programa encurralado entre o jornalismo do José Rodrigues dos Santos e o grande festival), para não se esquecer de perguntar às pessoas da rua se ainda se juntam umas com as outras para assistirem ao grande evento, como no Natal. Só por curiosidade.

A par das doze badaladas do Festival já o lançamento se diluiu no esquecimento das vontades mais acérrimas, mas ainda assim é recomendável que se deixe ficar pelo canal Benfica (se for homem) ou na SIC Mulher (se for mulher) até pelo menos começarem as televendas, ou o marido chegar a casa com desejos de conversa, pois ainda há possibilidade de se encontrarem buracos espalhados pelos becos mais perdidos da capital, juntamente com outros objectos sem-abrigo. 

Contudo, se vos for humanamente impossível serem o público do serviço da televisão, se por uma carga de água de outros Invernos quiserem demonstrar que a crise da televisão tem a ver com a sua incompetência, pelo cultivo do surpéfluo, pela censura domesticada e pela falta de sentido público, se preferirem abrir a porta e ir ao lançamento do Jornal Buraco no espaço Da Barbuda, com muito grado vos receberemos. 


http://jornalburaco.wordpress.com/

Sem comentários:

Publicar um comentário